[ editar artigo]

Você sabe o que um gestor de obras faz? Descubra neste artigo

Você sabe o que um gestor de obras faz? Descubra neste artigo

O gestor de obras é aquele responsável por lidar com todo o planejamento, coordenação de projetos, equipe e a execução da construção de um empreendimento.

Na verdade, estão presentes muitas tarefas complexas dentro dessa função. Por esse motivo, essa profissão exige boas habilidades de comunicação, muito conhecimento no processo de construção civil e uma boa capacidade para a resolução de problemas.

Ao longo da matéria, você verá um pouco mais do que é a profissão de um gestor de obras, quais são os seus papéis e responsabilidades e o que um gestor de obras precisa ter como profissional. Continue a leitura!

Saiba o que um gestor de obras faz. | Foto: Freepik/jcomp.

Qual é o papel e as responsabilidades do gestor de obras?

Todas as fases do processo de construção fazem parte do que um gestor de obras faz, desde o estudo de viabilidade e concepção do projeto, até sua finalização e entrega. Confira quais são essas fases:

1. Estudo de viabilidade

Nessa primeira etapa, o gerente de obras precisa identificar a viabilidade do empreendimento com base nos seguintes aspectos:

  • Escolha do local ideal;

  • Pesquisas de mercado;

  • Estimação dos recursos necessários;

  • Definição dos serviços e profissionais para a execução do projeto;

  • Avaliação da busca por um parceiro para o investimento.

2. Planejamento

Essa é uma das fases mais importantes de todo o projeto, pois é quando é criado o Plano de Gerenciamento do Projeto, documento com a finalidade de orientar a execução e controle da obra.

Além disso, é nessa etapa também que será definido um plano de comunicação com as metas, objetivos, funções, necessidades e ferramentas necessárias na comunicação entre a equipe.

Um cronograma em que estará todo o processo de prazo e orçamento também será estabelecido a fim de definir os recursos disponíveis totais e de que maneira eles serão distribuídos com base nas necessidades definidas para o empreendimento.

Outro item para ressaltar nessa fase é o Plano de Gerenciamento de Risco, no qual são definidas as atitudes a serem tomadas durante um imprevisto. Isso garante que a equipe esteja preparada para possíveis problemas, como cortes no orçamento, atrasos na entrega de materiais, falta de recursos necessários, entre outros.

3. Execução

Depois de um planejamento bem estruturado, a obra se inicia e é realizada uma reunião entre todas as partes envolvidas na construção. Nesta etapa, o papel do gestor de obras baseia-se nos seguintes pontos:

Logística

Deve ser pensado de que forma serão executados os transportes horizontais (carrinhos de mão, de carga pesada, carga rápida e masseiras) e os verticais (guinchos, plataformas, auto guindastes e elevadores) para facilitar toda a execução do projeto.

Garantia do cumprimento do cronograma

Nessa parte é preciso que o gestor de obras faça um monitoramento da obra para ter certeza de que ela está alinhada com o cronograma definido.

Garantia do cumprimento do orçamento

É preciso se atentar ao uso correto de todas as ferramentas e materiais que serão utilizados na obra, para que assim não haja nenhum desperdício, sendo necessário a aquisição de novos materiais, o que compromete os recursos disponíveis.

Saúde e segurança dos trabalhadores

Aqui é necessário que o gestor de obras fique atento aos equipamentos de segurança utilizados pelos trabalhadores. É necessário verificar se todos estão sendo usados de maneira correta e fiscalizar se os funcionários estão indo trabalhar alcoolizados, comprometendo a qualidade do trabalho, sua segurança e dos demais trabalhadores. Um acidente com um trabalhador na obra pode gerar muito prejuízo para a construtora.

Controle de qualidade

O gestor de obras também é responsável pelo controle de qualidade do projeto. Sendo assim, ele precisa verificar frequentemente se a obra está sendo bem executada com as técnicas e estratégias corretas. Também deve exigir um trabalho eficiente, com equilíbrio entre rapidez e qualidade de serviço.

Organização no canteiro de obras

Além de toda a segurança, é necessário que o gestor de obra fiscalize a organização do projeto e como estão sendo distribuídas as funções e tarefas. A segurança patrimonial também faz parte da organização, o que previne o furto de ferramentas e materiais da construção. Além disso, o gestor precisa se atentar ao descarte adequado dos resíduos produzidos durante a construção do projeto.

Como se tornar um gestor de obras?

A gestão de obras não é uma tarefa fácil, pois envolve várias atividades técnicas que devem ser aprimoradas continuamente. O gestor de obras é a figura central do processo, responsável por garantir que cada fase seja cumprida conforme o planejamento.

Para isso, existem algumas características indispensáveis que um gestor de obra precisa ter, pois elas vão assegurar que todas as partes do processo estejam alinhadas para um resultado bem-sucedido. Sendo assim, um gestor de obras precisa ter:

Organização

O gestor de obras é o profissional responsável por garantir que o projeto ocorra como planejado, desde o orçamento até o cumprimento do cronograma para a entrega. Para que essa função seja cumprida, a organização por parte desse profissional é indispensável.

Visão sistêmica

Esse ponto não é nada mais do que a compreensão global do projeto e de todas as partes que o envolvem. Isso significa conhecer o projeto arquitetônico e todas as suas limitações, além da conscientização sobre o papel de cada profissional no projeto e como suas funções se relacionam.

Competência de negociação

A negociação faz parte de qualquer projeto relacionado à construção civil. No entanto, as negociações de materiais, prazos e custos podem melhorar o orçamento, o que deve facilitar o trabalho dos arquitetos, eletricistas, pedreiros, encanadores e outros profissionais envolvidos.

Análise de resultados

Além de uma visão analítica de todas as etapas do processo, é indispensável que o gestor de obras saiba analisar os resultados após a entrega da obra.

Liderança

Um bom relacionamento com toda a equipe pode fazer diferença em qualquer projeto. Isso significa para uma obra um maior dinamismo nas fases que envolvem diferentes profissionais, o que é vantajoso para a entrega do projeto.

Gostou do conteúdo? Agora que você entendeu a importância do papel de um profissional gestor de obras e suas responsabilidades, não deixe de conhecer o curso livre de gestão de obras no Educação do Futuro!

Educação do Futuro
Fala! Universidades2
Fala! Universidades2 Seguir

O FALA! é uma startup de comunicação que gera experiências entre universitários e marcas. Todas as iniciativas são divulgadas em nossas plataformas: revista impressa, site falauniversidades.com.br e também no portal de notícias R7.com

Ler conteúdo completo
Indicados para você